As alegrias e os dias difíceis ao se fazer 11 meses

Teresa no balanço, pela primeira vez, no mesmo dia especial do post abaixo

Tetê!

Esse mês foi um mês de muito aprendizado para mim, espero que sirva para você também. Aprendi a não renunciar aos meus princípios e a ter paciência em situações absurdas. Aprendi a guardar silêncio quando tinha vontade de gritar. Aprendi a manter a serenidade na vida pessoal, quando alguma outra área da vida se desestabiliza. Aprendi a confiar em Deus mais do que nunca, mesmo quando não consigo ver um palmo à frente do que está por vir.

E você é muito importante em tudo isso. Para nos ensinar que casa é lugar de paz e descanso. Para nos dar ânimo e fazer carinho em momentos de fadiga. Para nos ensinar uma brincadeira nova a cada momento.

Foram 11 meses completos há 4 dias. Meses de mudanças.

Bom dia, Tetê! Você está no chão!

De cama que é só um colchão no chão. Você adorou a novidade! Acordou feliz da vida após a primeira noite, olha o flagra aí do lado! É ótimo porque você pode virar à vontade e não chega a cair da cama! Colocamos uma proteção de almofada do lado, e um tapete de EVA para quando você estiver brincando.

Agora você sobe e desce da cama. Com alguns tombos… mas nada problemático, já que o colchão tem apenas 12 centímetros de altura. Foi por isso mesmo que decidimos te deixar no chão, pra evitar as cabeçadas. E foi bom termos comprado um colchão grande, porque você se mexe taaaanto!

O problema do tombo é que você se frustra. Se frustra porque quer ficar em pé e andar por aí, independente. Hoje você começou de leve a se soltar da minha mão. Achei tão emocionante!

Os dentes também estão participando ativamente dos seus dias, e acho que eles são os responsáveis por tanta seriedade! Tudo bem, você é linda de qualquer jeito, mas a gente não está acostumado a te ver séria assim! Dá uma risadinha, vai!

Convencemos a jornalista de usar fraldas de pano!

Você deu uma entrevista pra TV Justiça, sobre uso de fraldas de pano, no dia 25/08. Mas só vai ao ar mais pra frente! Aproveitando: temos usado fralda de pano em você pra dormir, a da Bumgenius é boa pra isso.

Você sabe tirar usa própria camiseta! Acho isso impressionante, já vi faz tempo, mas demorei a postar por aqui.

E na semana passada, você começou na

Adorei a piscina, mamãe!

natação! Algo que enche de orgulho a mim e seu pai. Porque nós amamos nadar! E você está no mesmo lugar em que nós nadamos desde que chegamos a Brasília. Você amou a piscina, os baldes de água na cabeça (“chuveirinho”), bater os pés e as mãos na água e flutuar!

Sinto que a natação te faz muito bem!  Parece que te ensinou novos músculos e alongamentos. Novas partes do corpo vieram à tona!

Termino este post com uma pequena homenagem à Tia Aglayr, que tanto fez pelo seu vô Jorge, na prática uma mãe pra ele, uma vó pra mim, uma bisa pra você. Ela partiu ontem para viver eternamente com Papai do Céu. Há um mês, esteve com a gente aqui em Brasília. Muito feliz com a sua companhia! Brincou um monte com você! E depois que voltou pro Rio, ficou internada algumas semanas e faleceu ontem. Descanse em paz, tia Aglayr! Amamos você!

Claudio, tia(vó) Aglayr e Lucimar com a Tetê, mês passado. Sentiremos saudades da tia!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para As alegrias e os dias difíceis ao se fazer 11 meses

  1. Ufa! ela não tem medo de água, depois da experiência traumática da tia pri que inventou de coloca-la na água fria! Post lindo, Li. E força pra família Gurgel Neves toda. Beijos

  2. Fabiana disse:

    Que post lindo!! E as fotos ficaram ótimas! Uma linda ela toda esticadona na cama!! 🙂
    Meus sentimentos pela tia que se foi…
    Beijos

  3. Nath disse:

    Me emocionei tanto lendo seu post. Sinto pela sua tia.
    Te admiro muito por conseguir guardar essa serenidade nos momentos difíceis. Você é um exemplo para mim.
    Sei que não dei as caras, mas está difícil aqui também. Prometo que nos vemos antes de eu ir.
    Muitos beijos para os três.

    • lidianeves disse:

      Nath, estamos com você em cada linha que vc escreve. Se a gente não se encontrar agora, vamos baixar todos em NY, hein? Rs. brincadeira.
      Força na peruca, concentra aí nos estudos. se precisar de ajuda é só falar… vai que a gente consegue te ajudar, né?

      Obrigada a vc, Fabiana e Pri pelo apoio.
      Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s