Primos são tudo de bom!

Flávia, a nova bebê da família Hora!

Não falei nada a respeito por aqui, mas estávamos esperando uma bebê: sim, uma sobrinha para mim e o Dani, uma priminha pra Tetê.

A Flávia, filha do Fábio (irmão do Dani) e da Fernanda, nasceu ontem em Porto Alegre, motivo de grande alegria para a família Hora!

Isso significa que, pela primeira vez, a Tetê deixa de ser neta e sobrinha única para dividir o reinado, pelo menos em uma parte da família! Risos.

Reparem como ela é fofa! E como o olhinho dela é do mesmo pacote que o da Tetê, do Dani, do Fábio… Genes totalmente dominantes, vão marcar minhas futuras gerações para sempre!

Flavinha, já te amamos desde o princípio, queremos estar sempre presentes na sua vida e te ajudar a crescer, ficar cada vez mais feliz, esperta e linda! Que Deus dê sabedoria aos seus pais para te criarem no caminho dEle! Fabio e Fernanda, estamos juntos!

Tetê, meu desejo é que você e a Flávia sejam sempre amigas, companheiras, parceiras, unidas, mesmo que longe. Coisa que eu construí com a…

Tetê causando (e dando trabalho pra tia Marina) no casamento da tia Thaís. Foram mais de 20 tentativas de invasão do píer-altar durante a cerimônia!

Thaisinha, minha única primA de primeiro grau. Que nasceu 3 anos depois, no Rio de Janeiro, depois se mudou pra Sampa, depois foi fazer a mesma faculdade que eu, depois se casou com Daniel, Grilli, neste caso. Enfim, muitas histórias em comum, e agora (final do mês passado), ela se casou numa cerimônia linda! Uma homenagem a esse casal amado. Thaisinha, minha prima protegida desde sempre nas discórdias domésticas e nas deliciosas férias em Caraguá. E Daniel, um cara que eu aprendi a admirar bem depois da faculdade (risos!), com um coração e uma generosidade louváveis. Desejo a maior felicidade do mundo pra vocês!

Momento anedota do casamento: Tetê olha pro Daniel, o noivo, e fala “papai”! Eu digo: não é papai, é titio! Ela entende, aponta e fala “têitchi”! Daniel, sinta-se acolhido para a família!

Thais e Dani casados. E a prima, orgulhosa.

Tetê, ter primos é crescer juntos, é entender melhor suas origens, é construir juntos um futuro. É ter orgulho, é ficar de coração partido, é compartilhar momentos e experiências únicas. É amar amor de família, esse que a gente não escolhe e cultiva com tanto carinho. Espero que você tenha muitos! Mas se forem poucos, espero que sejam bons como os meus!

Aqui, também, uma homenagem aos meus primos de outros graus, primos emprestados, primos do Dani (e do Fabio e da Tetê e da Flávia) e outros parentes que amamos tanto!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , . Guardar link permanente.

4 respostas para Primos são tudo de bom!

  1. Paloma disse:

    Que legal que é ter uma priminha!! Parece mesmo a Tetê!
    E que cenário maravilhoso este do casamento, hein/ Parece a Eslovênia, de tão lindo, heheheh!
    Beijos

  2. thais gurgel disse:

    Que linda homenagem, Li, me emocionei aqui! Concordo plenamente: ter primo é bom demais! É se reconhecer no que é igual, e crescer, com aconchego, no diferente. Tetê e Flávia já são sortudas! Obrigada pelo carinho de sempre! beijo grande

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s